sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Bolsonaro, o American Staffordshire e o American Pitbull Terrier

Bolsonaro, o American Staffordshire e o American Pitbull Terrier

Nós vivemos num país pobre de cultura. E a pior pobreza é a da alma, da mente e do coração. O vazio de sentimentos nobres nos deixa medíocres. E o Brasil está medíocre. Quando sucumbimos à mediocridade acreditamos em tudo como uma esponja que absorve a água com facilidade quando está seca. Quando o homem a tudo absorve com facilidade se torna confuso ou preconceituoso. A pessoa confusa desconhece o caminho da verdade. O homem medíocre nem mesmo sabe que existe um caminho.

Escuto muitas asneiras a respeito da raça que crio há 27 anos. Mas também ouço a respeito do candidato Jair Bolsonaro. Tive o prazer e a honra de conhece-lo pessoalmente. Vi seu semblante e olhei os seus olhos que também fitaram os meus. Dizem que os olhos são o espelho da alma. Percebi sofrimento e cansaço em seus olhos. Notei sinceridade em suas palavras e muita coragem. O primeiro ítem que me fez escolher o american é a sua coragem dita como proverbial. O american não é agressivo ou desleal. Mas ele sabe enfrentar o inimigo. Infelizmente existem muitos inimigos nesse país. Que impedem o crescimento material e cultural. Estamos diante de uma possibilidade ímpar. Um homem com coragem e desejo de mudar esse país. Com integridadde e nacionalismo. Enfrentando o sistema que está aliado à esquerda doentia e que insiste em aumentar os seus súditos. Uma guerra. Um sistema que prefere doar a artistas da Globo fortunas pela Lei Rouanet mas deixa de emprestar 600 mil para o museu Nacional.

Existe um guerreiro com coragem proverbial entre os candidatos. Os da esquerda não perceberão isso porque não amam o país. Existe muita rejeição ao Bolsonaro que também existe contra o pitbull ou ao american. Assim é a vida. Até o Gandhi na Índia foi assassinado. Algumas pessoas tomadas pelo instinto de morte (Thanatos) não querem a vida feliz e próspera para os brasileiros. Milhares estão deixando o país por perceberem o caos que poderá advir se a esquerda continuar no poder. Corrupção e totalitarismo poderá ser o preço de nossa cegueira. No fim do governo militar o General Figueiredo disse: "vamos entregar a nação para os civis e todos esses guerrilheiros da esquerda tomarão poder. E só sairão com derramamento de sangue". Acreditam que se o Bolsonaro vencer será radical. Como uma criança desordeira que odeia um mestre disciplinador que anseia por ensinar um revoltado. Muitas vezes tememos a felicidade por sermos covardes. O povo brasileiro está sendo covarde e querendo deixar para seus filhos uma Cuba, uma Venezuela, um país de pobres na matéria e em seus âmagos. Todos os líderes petistas homenageiam a revolução cubana e seu líder Fidel Castro. Falam de democracia e homenageiam a ilha onde as maiores atrocidades à democracia foram cometidas. Os inimigos do sistema foram fuzilados e nunca mais ocorreu eleição após a invasão de Cuba. 

Enfim, muitos não conseguem olhar nos olhos do American Staff. Como venho olhando há 27 anos. E na semana passada olhei nos olhos do candidato que hoje, dia 7 de setembro, está numa UTI se recuperando de um atentado grave e covarde. Não me enganei com os americans. Não creio que esteja me enganando com Jair Bolsonaro. Um amigo me aconselhou a não fazer comentários sobre política no meu espaço dedicado aos cães. Os que são do PT não irão adquirir seus cães. Mas eu não consigo ser um homem fragmentado e tenho coragem de me expor. Antes de ser um criador da raça AST sou um ser humano preocupado com o futuro do meu país e sei que esse povo condicionado não percebe a realidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

American Stafforshire uma paixão que se tornou hábito

Uma paixão que se tornou hábito A palavra Venda de Filhotes de American Staffordshire me parece forte. Por isso nunca escrevi essa pala...